7 de julho de 2017

Poesia nos Olhos

Olá!

Espero que você esteja se sentindo muito bem :)

Quero contar para você uma clareza de percepção que aconteceu comigo e pode vir a acontecer com você.

Um dia desses aqui em São Paulo estava frio...

...realmente muito frio!

E eu então resolvi postergar o trabalho para o fim da tarde e sair para caminhar um pouco...

* Esquentar meu corpo no sol! *

...logo depois do almoço.

Eu adoro caminhar, adoro o espaço público...

...principalmente por causa daquilo que a maior parte das pessoas olha, mas não vê.

E nesse dia, enquanto todo mundo andava apressado...

...fechado no seu carro, ou no seu próprio umbigo...

...eu vi uma cena linda <3

Em uma praça pública, na Vila Mariana...

...estavam duas senhorinhas conversando, sorrindo...

...em um balanço de madeira!

Duas senhorinhas como se fossem crianças na praça.

Uma cena simples, linda. Poética.
Eu amo a poesia da vida. É ela quem alimenta nossa alma.

<3
Mas em mim fica sempre soando a pergunta:
Por que esses pequenos detalhes...

...que acontecem em frente ao nosso nariz...

...não são percebidos pelas pessoas?

Você já parou pra pensar?

É a desconexão da sua percepção, a desconexão da sua própria Natureza...

...é isso o que faz você olhar e não ver.

É por isso que na Peperômia nós fazemos Jardins Planetinhas, e não simples terrários.

É por isso que nossos cursos tem sempre um passo além do superficial...

...porque, uma vez que você faz o curso da Peperômia Urbana você já não é mais uma pessoa qualquer, que olha e não vê...

...você acorda sua alma.

Você se reconecta com a sua Natureza...

...e o mundo responde com poesia.




Curso de Jardins Planetinhas EXPRESS da Peperômia Urbana

Nenhum comentário:

Postar um comentário